Vou lhe decepcionar e você vai ganhar algo com isso

103 0
O tema desse artigo é depressão, então se você veio esperando outro assunto, deve estar desapontado e meu trabalho já está feito. Mas se este tema lhe interessa, então sente-se que prometo que irei desapontá-lo.
A depressão pode ter diversas causas: genética, desregulação hormonal, perdas muito grandes, vida com problemas, saúde ruim, entre outros. Normalmente o tratamento é demorado e difícil. Ainda que alguns casos sejam mais rápidos e fáceis de resolver, isto não é algo comum.
A situação ideal, com melhores resultados, é o uso de medicamento aliado à TCC (Terapia Comportamental-Cognitiva), que tem métodos e técnicas voltados ao tratamento da depressão. Alguns destes métodos são: Orientação de familiares e amigos; Ensinar a diminuir pensamentos suicidas, de desastres (catástrofes) ou escutar vozes; Ajuda na descoberta de atividades que acalmem; Auxílio no manejo do estresse e administração da rotina / mini rotina; Plano de sobrevivência de 24 horas; Auxílio na estruturação da vida, busca de apoio, dentre outros.
Vou explicar alguns deste itens, que já podem ser aplicados por você (caso tenha depressão) ou podem auxiliar alguém que você conheça.
Rotina
Pode parecer pouco, mas acordar todo dia na mesma hora, para algumas pessoas, já é o suficiente para a melhora da depressão. Manter a rotina de sono (ritmo circadiano) pode ser suficiente para colocar o organismo nos trilhos. Algumas pessoas não sentem fome de manhã e, com depressão, é possível que não sintam fome de forma alguma. Entendo o quanto é difícil fazer coisas quando está nesse estado, mas tomar o café da manhã é importante, mesmo que não esteja com vontade. É preciso repor o que foi gasto de energia e ainda o que vai precisar para funcionar
durante o dia. Em alguns casos, isso já é o suficiente para ter alguma melhora.
Apoio de amigos
O apoio dos amigos é essencial e existem diversas formas de ajudar alguém com depressão:
– Sentar-se ao lado da pessoa e dizer que ela não está sozinha e que está ali se ela precisar (pode parecer óbvio, mas não para quem tem depressão);
– Sair para comer algo, ir ao cinema ou algum tipo de lazer que fariam normalmente;
– Ouvir a pessoa sem julgamento, ajuda muito. Falar sobre algo que a atormenta vai deixá-la aliviada, e ao não ser julgada por aquilo que expôs, fará com que ela não se sinta inapropriada.
Plano de sobrevivência de 24 horas
Caso a pessoa com depressão tenha pensamentos suicidas, o plano de sobrevivência de 24 horas pode salvá-la. Funciona da mesma forma que o método dos alcoólicos anônimos: comprometer-se a não cometer suicídio nas próximas 24 horas ou, se for muito, pelo menos até o fim do dia.
Se você tem depressão, espero que entenda a saída não é fácil, mas ela existe. Se você não tem, espero que tenha aprendido métodos que auxiliem alguém. Caso tenha ou conhece alguém com depressão e ainda não tentou a TCC (Terapia Comportamental-Cognitiva), recomendo que experimente, pois ela pode ser muito eficaz no tratamento.
E se você leu achando que eu daria uma solução fácil e rápida para a depressão, deve estar muito desapontado.

Related Post